Caraguatatuba

Dicas incríveis da Cidade
Previsão do Tempo - dia 15/10
Max: 25 °C
Min: 21 °C
Fonte: Cptec
Previsão do Tempo - dia 16/10
Max: 25 °C
Min: 21 °C
Fonte: Cptec
Previsão do Tempo - dia 17/10
Max: 28 °C
Min: 22 °C
Fonte: Cptec
Previsão do Tempo - dia 18/10
Max: 28 °C
Min: 22 °C
Fonte: Cptec

Sobre a Cidade:

Caraguatatuba é um município do estado de São Paulo, no litoral norte, na microrregião de mesmo nome. A população aferida na contagem de 2007 foi de 88.815 habitantes, distribuídos por uma área 484 km², o que resulta numa densidade demográfica de 183,52 hab/km². O município participa do programa de inclusão digital.

Estância balneária

Caraguatatuba é um dos quinze municípios paulistas considerados estâncias balneárias pelo Estado de São Paulo, por cumprirem determinados pré-requisitos definidos por Lei Estadual. Tal status garante a esses municípios uma verba maior por parte do Estado para a promoção do turismo regional. Também, o município adquire o direito de agregar junto a seu nome o título de Estância Balneária, termo pelo qual passa a ser designado tanto pelo expediente municipal oficial quanto pelas referências estaduais.

Toponímia

Caraguatatuba é vocábulo indígena que, segundo Silveira Bueno, significa “lugar de muitos caraguatás”, ou seja, caraguatal, caraguatazal. Do tupi caraguatá: caraguatá; e tyba: abundância, grande quantidade.

História

No ano de 1967 ocorreu uma catástrofe que desabrigou grande parte dos habitantes de Caraguatatuba. Um deslizamento de lama e de madeira, proveniente das árvores, no alto da Serra do Mar, invadiu o município. Caraguatatuba ficou isolada por vários dias e em estado de calamidade; vários pontos de acesso do município foram destruídos ou soterrados, como por exemplo a ponte que liga o município à Ubatuba e o acesso à rodovia SP-55. Nunca foi contabilizado um número oficial de mortos, mas – segundo as autoridades – foram no mínimo 500 mortes, pois muitos corpos nunca foram localizados.

Geografia

Caraguá, como também é chamado o município, está localizado entre o oceano Atlântico e a Serra do Mar, onde nascem os principais rios que deságuam nas praias e onde se situa o Parque Estadual da Serra do Mar.

Seus municípios limítrofes são Natividade da Serra a norte, Ubatuba a nordeste, o Oceano Atlântico a sudeste (com a Ilha de São Sebastião a sul), São Sebastião a sul, Salesópolis a oeste e Paraibuna a noroeste.

Praias

As seguintes praias estão localizadas na Estância Balneária de Caraguatatuba: De norte para o sul

  • Praia de Tabatinga, onde deságua o rio Tabatinga;
  • Praia da Mococa, onde deságua o rio Mococa;
  • Praia da Cocanha, onde deságua o rio Cocanha e em frente à qual estão as ilhas do Tamanduá e o ilhote da Cocanha;
  • Praia do Massaguaçu, separada da praia da Cocanha pelo rio Gracuí;
  • Praia do Capricórnio, onde está localizada a Lagoa Azul e onde deságua o rio Massaguaçu;
  • Praia Brava;
  • Praia do Martim de Sá, onde deságua o rio Guaxinduba;

Na enseada de Caraguatatuba

  • Prainha;
  • Praia do Garcez ou da Freira;
  • Praia do Camaroeiro;
  • Praia Grande ou Praia do Centro, onde deságua o rio Santo Antônio;
  • Praia do Indaiá;
  • Praia Pan Brasil;
  • Praia das Palmeiras, onde deságua o rio Lagoa;
  • Praia do Romance;
  • Praia das Flecheiras;
  • Praia do Porto Novo, onde deságua o rio Juqueriquerê

Hidrografia

  • Rio Camboriú
  • Rio Santo Antônio
  • Rio Juqueriquerê
  • Rio Massaguaçu
  • Rio Guaxinduba
  • Oceano Atlântico

Rodovias

  • BR-101-(Rodovia Rio-Santos) / Trecho São Paulo: SP-55 (Rodovia Manuel Hipólito Rego); que oferece acesso a outras cidades do Litoral Norte Paulista como: São Sebastião, Ubatuba, Ilhabela incluindo também Rio de Janeiro e Santos.
  • SP-99 oferece acesso a São Paulo, São José dos Campos e SP-65 que se liga até Campinas e interior.

 

  1. Divisão Territorial do Brasil. Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. Estimativas da população para 1º de julho de 2009 (PDF). Estimativas de População. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (14 de agosto de 2009). Página visitada em 16 de agosto de 2009.
  3. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil. Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  4. Produto Interno Bruto dos Municípios 2002-2005. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (19 de dezembro de 2007). Página visitada em 11 de outubro de 2008.